Alugar consultório médico: vale a pena?

Muitos médicos sonham em ter um consultório. Além da independência, ele pode construir seu nome em meio aos pacientes e escolher seu público-alvo sem a interferência de chefes. No entanto, quem trabalha em grandes centros urbanos sabe como construir ou alugar consultório médico pode pesar nas despesas. 

Além de ter ou alugar um consultório, hoje, é também possível fazer parte de um coworking médico, em que você escolhe o local e paga pelos dias de uso. Mas qual será a alternativa mais benéfica para o profissional de saúde?

Neste post, você vai saber se vale mais a pena alugar um consultório médico ou optar pelo coworking. Confira!

O que é necessário considerar ao ter ou alugar um consultório médico?

Ter um consultório próprio é uma medida de liberdade do profissional. No entanto, é necessário considerar algumas despesas antes de alugar. Veja a seguir!

Recepção

A primeira pessoa que vai falar com o paciente não é o médico, mas, sim, o profissional da recepção. Ele é responsável por tirar as dúvidas tanto pessoalmente quanto por telefone e e-mail, por marcar consultas e por lidar com a organização dos compromissos diários no local. Portanto, você precisa considerar:

  • se a sala da recepção é espaçosa e confortável;
  • que a contratação de um profissional, de preferência com experiência em locais de saúde, é uma despesa indispensável para o funcionamento do consultório.

Reserva financeira

Além do aluguel, há também as contas de energia elétrica, água, internet e telefone, limpeza, investimento na infraestrutura do local, compra de materiais para o estoque, manutenção dos equipamentos médicos e, claro, o salário do profissional da recepção. Nos primeiros meses, é normal que o consultório não dê lucro, principalmente se você estiver em início de carreira. Portanto, ter uma reserva financeira para cobrir os momentos de sufoco é fundamental.

Documentação legal

Mesmo que você vá alugar, precisa conferir se a documentação local está de acordo com as exigências brasileiras — a verificação dos documentos, aliás, deve ser sua primeira medida com relação ao consultório. Você precisa estar em dia com: 

  • a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), já que a liberação de atendimento médico precisa ser deferida no Diário Oficial;
  • o Cadastro Nacional de Estabelecimento de Saúde (CNES);
  • a prefeitura, pois é ela que vai expedir o alvará de funcionamento.

Quais os diferenciais do coworking médico?

O profissional de saúde tem uma rotina muito intensa, por isso, precisa de soluções que tirem um pouco da sobrecarga administrativa das suas costas sem pesar no bolso. O coworking, solução que mudou a forma de trabalho de autônomos e startups, agora, aparece como uma alternativa viável também para médicos.

Locais colaborativos são empreendimentos em que você divide o espaço com outros profissionais. E, quando falamos da área médica, essa é uma forma de o profissional obter toda a infraestrutura necessária por um valor mais acessível. O médico escolhe o consultório, define os dias e os horários em que estará presente e monta um plano correspondente à sua agenda. A partir daí, precisa se preocupar apenas em oferecer o melhor tratamento aos seus pacientes.

Um coworking médico oferece:

  • acesso a diferentes unidades;
  • material descartável;
  • boa localização;
  • sala de espera;
  • recepcionista;
  • equipamento;
  • limpeza;
  • internet.

Alugar um consultório médico de maneira convencional foi uma solução viável por muito tempo, mas, hoje, o médico tem a oportunidade de exercer seu trabalho de maneira mais flexível e econômica. Além de diferentes locais para atendimento, o profissional ainda pode montar um plano e pagar apenas pelos dias em que trabalhar.

Se você ficou interessado em alugar consultório médico em um coworking, entre em contato com a Habitat Consultórios e tire todas as suas dúvidas!

saibacomofidelizarospacientescomomarketingderelacionamento

Saiba como fidelizar os pacientes com o marketing de relacionamento

Você sabe como fidelizar os pacientes que chegam ao seu consultório? Esse é um grande desafio para muitos profissionais, mas, com as estratégias certas, é possível manter o seu público por perto. Uma boa forma de fazer isso é praticando o marketing de relacionamento.

Por meio dele, você consegue se aproximar muito mais dos seus pacientes criando uma relação de confiança — justamente aquilo que é necessário para ganhar a preferência do seu público. Pensando nisso, preparamos este artigo.

Continue lendo para entender ao certo o que é o marketing de relacionamento para médicos, como ele ajuda na fidelização dos pacientes e quais são os benefícios de fidelizar essas pessoas.

O que é o marketing de relacionamento para médicos?

Você também dá preferência para os estabelecimentos que oferecem um bom atendimento, não é? Isso não é diferente com o seu público, que sempre está em busca de quem oferece um serviço que atenda às suas exigências, promovendo a sua satisfação.

O marketing de relacionamento tem sido muito aplicado para cultivar uma relação mais próxima com os clientes em potencial e para fidelizar as pessoas que já optaram pelo produto ou pelo serviço de uma empresa. Com os profissionais da área de saúde, não é diferente. Eles também precisam ganhar a preferência dos pacientes diante de um mercado concorrido.

O marketing de relacionamento para médicos consiste na adoção de práticas e estratégias que visam a melhorar a experiência do paciente. Sendo assim, envolve tudo aquilo que eleva a qualidade do atendimento no que se refere à organização, à gestão e à atenção às dores da pessoa.

É por meio do marketing de relacionamento que conseguimos criar um diferencial competitivo. Afinal, ele mostra para o paciente que você se preocupa com o bem-estar dele, com os seus sentimentos e com a sua opinião e que valoriza tudo isso.

Ao investir nessa estratégia, você oferecerá, para o seu público, aquilo que ele espera e, consequentemente, fará com que ele seja fiel. Isso garante a sua sobrevivência no mercado, traz mais credibilidade e permite seu crescimento profissional.

Como fidelizar pacientes com o marketing de relacionamento?

O marketing não envolve apenas campanhas de divulgação. Ele se relaciona com diferentes aspectos de uma empresa ou profissional, ajudando a criar uma marca e a fortalecê-la no mercado. Por isso, quando falamos em marketing de relacionamento, estamos nos referindo a diversas ações e estratégias distintas.

Entretanto, todas elas têm um objetivo em comum, que é tornar a experiência do paciente mais positiva em seu consultório. Basicamente, ele precisa gostar do atendimento desde a recepção até a finalização do tratamento, incluindo as ações de pós-venda.

Sendo assim, se você quer saber como fidelizar pacientes de uma forma mais eficaz, deve começar a praticar o marketing de relacionamento. Nós listamos, a seguir, algumas ações muito válidas para você colocar em prática. Confira!

Humanize o atendimento

Quem procura por atendimento médico geralmente está vivendo um momento delicado. É comum que o paciente esteja cansado, estressado, fragilizado e experimentando sentimentos ruins. Ele deseja encontrar, no profissional, alguém que lhe dê suporte e apoio, então, a humanização do atendimento é fundamental.

Não há como fidelizar pacientes se os seus atendimentos forem superficiais ou maquinais. É preciso ter uma abordagem mais amigável e acolhedora, saber escutar com atenção e compreender o momento pelo qual a pessoa está passando. Ela precisa se sentir acolhida e compreendida.

Essa postura humanizada do profissional de saúde faz toda a diferença para ganhar a confiança do paciente. Ela faz com que ele prefira se consultar com você, uma vez que sabe que, em seu consultório, receberá um bom atendimento e não será tratado apenas como mais um.

Trabalhe com empatia

Problemas de saúde, mesmo que não sejam muito significativos, provocam abalos para quem os vivencia. Alguns pacientes também ficam muito inseguros diante de um médico. Esses e outros casos similares precisam ser tratados com muita empatia.

O profissional de saúde deve respeitar o paciente e procurar entender aquilo que ele está sentindo. Isso faz parte do atendimento humanizado que citamos, e esse respeito ajuda na fidelização, pois demonstra que você não faz julgamentos e que está ali para ajudar.

Tenha atenção ao agendar consultas

É fato que as pessoas não gostam de esperar e, quando agendam uma consulta médica, pretendem ser atendidas no horário reservado para elas. Sendo assim, você precisa ter muito cuidado ao fazer o agendamento das consultas para que seus horários não fiquem conflitantes e isso acabe atrasando os atendimentos.

Perceba que é muito comum que as consultas médicas atrasem, o que sempre causa insatisfação nos pacientes. Portanto, uma das formas de cativar a simpatia do seu público é evitando que isso aconteça. Esse será um grande diferencial que, certamente, chamará atenção por demonstrar o seu comprometimento e respeito.

Disponibilize um clube de vantagens

O que faz com que um paciente prefira se consultar com você e não com outro profissional? Para ter essa preferência do público, é importante oferecer algum benefício para ele, e uma boa opção é disponibilizar um clube de vantagens.

Ao participar do Clube de Vantagens da Habitat Consultórios, por exemplo, você pode divulgar os seus serviços e oferecer promoções para toda a base de pacientes da Habitat. Além disso, o seu público terá acesso a pacotes e promoções exclusivos para quem aderiu ao clube, o que é um grande atrativo. 

Os pacientes também têm acesso a todos os especialistas que atendem nas unidades da Habitat Consultórios, assim, podem encontrar os profissionais que precisam em um só espaço, centralizando os seus cuidados no mesmo lugar.

Prefira atuar em um ambiente com outras especialidades

Sabia que o sistema de coworking também pode ajudar a melhorar as suas estratégias de marketing de relacionamento? Isso acontece por diferentes motivos, sendo um deles a eficácia na organização e na gestão do espaço. Além disso, há o fato de associar o seu trabalho ao de profissionais de outras especialidades.

Considere que as pessoas desejam dinamismo e praticidade para o dia a dia, por isso, se você oferecer os seus serviços em um ambiente onde elas possam encontrar outros especialistas associados ao seu trabalho, haverá maiores chances de preferirem o seu atendimento.

Quais são os benefícios da fidelização de pacientes?

Agora que você já viu como fidelizar pacientes por meio do marketing de relacionamento, é hora de entender quais são os benefícios dessa fidelização. O primeiro deles é ter o seu público por perto e evitar que a sobrevivência do seu consultório dependa de sempre atrair mais pessoas.

Mais um grande benefício dessa estratégia é ganhar parceiros na hora de fazer a divulgação dos seus serviços. Afinal, um paciente fidelizado é aquele que está satisfeito com o atendimento e, portanto, indica seu consultório para familiares e conhecidos e ainda faz uma propaganda positiva para o público em geral, por meio das redes sociais, por exemplo.

Você também alcançará mais credibilidade no mercado, fazendo com que o seu nome se torne referência. Isso se deve à atenção às necessidades do paciente e ao cuidado com o seu bem-estar e com a sua opinião, que demonstram seu profissionalismo e geram mais um diferencial de peso.

Viu só como fidelizar os pacientes não é tão difícil assim? Adotando as estratégias do marketing de relacionamento, você alcançará facilmente esse objetivo. Assim, terá uma cartela ampla e presença no mercado, ganhando a credibilidade de que precisa para atrair ainda mais público.

Gostou dessas dicas? Então, compartilhe-as em suas redes sociais para que seus amigos também possam explorar as estratégias do marketing de relacionamento!

gestaodeconsultoriossaibacomoocoworkingparamedicospodeajudalo

Gestão de consultórios: saiba como o coworking para médicos pode ajudá-lo

Muitos profissionais da saúde sonham em ter o próprio consultório, atuando de forma independente, mas se sentem inseguros em relação a assumir a responsabilidade que isso traz. Além de continuar exercendo a profissão, como é possível que o especialista também dê conta de gerir o dia a dia do empreendimento, lidando com a segurança do local e a manutenção do espaço e coordenando toda a dinâmica administrativa? 

A gestão de consultórios é, de fato, um grande desafio. Isso porque, na área da saúde, é preciso estar atento às normas e aos padrões de qualidade. Nesse cenário, o coworking para médicos aparece como uma excelente alternativa.

Ocupando-se com a questão administrativa, o modelo de trabalho se propõe a resolver os desafios gerenciais da clínica, permitindo que o profissional tenha mais tempo e liberdade para realizar os atendimentos. 

 Abaixo, vamos explicar melhor como o coworking para médicos pode ajudar na administração do consultório, auxiliando-o a ganhar tempo e ter mais disponibilidade para consultas. Continue a leitura para saber mais! 

Como o coworking para médicos funciona? 

O coworking é um modelo de trabalho que reúne profissionais de empresas diferentes, ou, até mesmo, profissionais de áreas distintas, propondo o compartilhamento do espaço e de recursos, como água, luz, internet, limpeza, manutenção, sala de reunião, copa, estacionamento e recepção. 

Na área da saúde, o coworking oferece o aluguel de consultórios completos, de acordo com a modalidade do atendimento. É válido para médicos de diferentes especialidades, nutricionistas, psicólogos, dentistas etc.

Em vez de reservar o mês inteiro, como o aluguel tradicional, a proposta do coworking é cobrar apenas pelo período em que o profissional utiliza o espaço de fato. Assim, ele economiza, pagando apenas um valor proporcional ao uso.

A modalidade também exclui totalmente a necessidade de investir em estrutura para começar a atuar. O especialista que deseja trabalhar em um espaço coworking não precisa se preocupar, por exemplo, em investir em câmeras ou alarmes, ou, ainda, em contratar uma empresa privada, deixando a segurança a cargo da administração do espaço. 

O mesmo acontece com a limpeza. Além de garantir que a higienização da clínica estará de acordo com as normas sanitárias para estabelecimentos de saúde, o profissional não precisa se preocupar com determinadas questões, como o reabastecimento de sabonete, de papel higiênico etc. Também não precisa se preocupar com a manutenção predial, com a manutenção dos equipamentos ou, ainda, com a decoração do ambiente. 

Outro ponto que deve ser destacado é o auxílio que a modalidade de trabalho oferece em relação aos desafios gerenciais. Abaixo, veja como esses dois itens estão relacionados. 

Como o coworking ajuda na gestão de consultórios? 

Além da infraestrutura, o coworking para médicos se preocupa com a questão administrativa, oferecendo um suporte completo para a atuação do profissional. Desse modo, além de não precisar se preocupar em administrar a limpeza, a segurança e a manutenção, o especialista também não precisa se preocupar com a contratação de agentes para auxiliar no atendimento ao paciente, como secretários e recepcionistas.

Dentre os serviços administrativos prestados pelo espaço coworking, podemos citar o agendamento online e o auxílio dos recepcionistas, que fazem uma ponte de comunicação com o cliente, agendando consultas e cuidando do canal de comunicação, bem como fazendo ligações ou enviando mensagens para confirmar as consultas previamente agendadas. Isso ajuda a reduzir o índice de absenteísmo, que traz prejuízos financeiros para o negócio.

Como a gestão de consultórios impacta o dia a dia do profissional? 

Mais disponibilidade na agenda

Com o sistema coworking, o profissional não precisa se preocupar com a manutenção do consultório, concentrando-se totalmente nas suas consultas. Essa otimização do tempo permite que o especialista atue no que realmente importa, tendo mais disponibilidade na agenda e, consequentemente, estando apto a atender a mais pacientes. 

Possibilidade de atuar em diversas unidades

A localização do consultório é um fator determinante para a qualidade do atendimento. Em um consultório tradicional, o profissional da saúde acaba ficando engessado, sem poder atuar em outras localizações. Já no coworking, devido à sua infraestrutura e ao apoio na gestão, o profissional pode atuar em diversas unidades, onde for mais conveniente para ele e para os seus pacientes. 

Quais os outros benefícios do coworking?

Rede de indicações

Além de incentivar uma troca saudável de informações e experiências, atuar no mesmo ambiente que outros profissionais da saúde promove a ampliação da rede profissional. Em vez de se isolarem nos próprios consultórios, o coworking acaba fazendo com que os profissionais conheçam melhor os trabalhos uns dos outros e façam recomendações a seus pacientes, criando uma forte rede de indicações. 

Fortalecimento da marca

Atrelado à rede de indicações, que contribui para aumentar o número de clientes, conforme o espaço cresce e torna-se mais dinâmico, é possível fortalecer sua marca, marcando presença e posicionando-se como referência na área de atuação. Além disso, as estratégias de divulgação do coworking também ajudam a clínica a crescer. 

 Liberdade para atuar em outras unidades

Ainda que ofereça uma atmosfera colaborativa, onde os profissionais da saúde coexistem, o modelo de trabalho não interfere na autonomia ou na individualidade da clínica. Em outras palavras, a liberdade de trabalhar no próprio consultório permanece — não há exigências em relação ao preço dos serviços prestados, e o profissional ainda tem total controle para adotar estratégias de crescimento para a sua clínica. 

Assim, vimos como o coworking para médicos é uma excelente opção para auxiliar profissionais da saúde que desejam trabalhar em suas próprias clínicas. Além de oferecer uma infraestrutura adequada, o modelo de trabalho também se ocupa da gestão de consultórios, dando suporte administrativo e permitindo que os profissionais se concentrem nas consultas, otimizando o tempo, ganhando mais disponibilidade na agenda e ajudando a atingir resultados financeiros melhores

Para garantir uma gestão administrativa eficaz, vale a pena chamar atenção para a importância de trabalhar junto a um coworking para médicos comprometido com o tema, que ofereça, além da qualidade da infraestrutura, suporte para que o profissional continue sempre desenvolvendo sua carreira, buscando o melhor para os pacientes.

Ficou interessado neste post sobre a gestão de consultórios e quer saber mais sobre coworking para médicos? Então, não perca tempo e acesse nosso site. Confira!

centro_da_cidade_consultorio

O Centro da cidade pode ser o melhor local para seu consultório

Hoje em dia, com rotinas cada vez mais atribuladas, as pessoas não têm tempo a perder. E, se o têm, desejam aproveitá-lo da melhor maneira possível. Então, na hora de agendar uma consulta médica, a maioria dos pacientes busca locais de fácil acesso, onde possam realizar outras atividades e, de preferência, que sejam próximos de seus endereços de trabalho. O Centro da cidade pode ser o melhor lugar para seu consultório.

Além de estar cercado por um extenso comércio, com as mais variadas opções de restaurantes e lanchonetes, o bairro é sede de inúmeras empresas e escritórios, fato que se traduz em uma excelente oportunidade para você estabelecer parcerias e ampliar suas consultas durante o horário de almoço.

Devido à crise econômica atual, várias empresas optaram por substituir seus planos de saúde, mais custosos, por parcerias com clínicas para o atendimento de seus funcionários. Além disso, com o conceito wellness (bem-estar) sendo cada vez mais disseminado entre as corporações – que passaram a adotar programas de saúde física e mental – o acompanhamento médico preventivo passou a fazer parte do dia a dia dos profissionais.

Dessa maneira, aliando a demanda e a oferta, ter um consultório moderno e bem equipado, que esteja perto dessas empresas e de seus interesses, facilita (e muito) na hora de estabelecer um processo de parceria, captando, assim, um número maior de clientes.

Entretanto, se você ainda tem dúvidas sobre alugar um consultório no Centro, reunimos mais algumas vantagens:

 

Maior fluxo de pessoas

Pelo Centro da cidade circulam, diariamente, milhares de pessoas. A maioria delas busca otimizar tempo, optando por serviços que sejam mais práticos e que estejam ao seu alcance. Imagine a diferença que fará em sua agenda estar pertinho dessas pessoas e também de grandes empresas, interessadas em serviços como o que você oferece!

 

Networking

Busque parcerias com os RHs das empresas próximas e ofereça pacotes de serviços a seus funcionários, como check-ups anuais, pré-natais, exames admissionais e até mesmo acompanhamento psicológico para profissionais com alto nível de estresse. Já pensou nessas imensas oportunidades?

 

Facilidades

O Centro do Rio oferece facilidades que outros lugares não possuem. Localizada na Rua México, bem pertinho da estação de metrô Cinelândia, do VLT e do Consulado Geral dos Estados Unidos, a nova unidade Centro da Habitat Consultórios está prontinha e muito bem equipada para receber seus pacientes.

Esteja onde seus pacientes estão! Veja aqui as fotos da unidade Centro e entre em contato conosco agora mesmo!

consultorio médico

Pensou em ter seu próprio consultório? Sabe por onde começar?

Todo médico sabe dos desafios que o mais nobre dos ofícios traz. Mas além das etapas técnicas e profissionais, você já parou para pensar no passo a passo administrativo para abrir seu próprio consultório médico?

Para realizar o sonho de ter um consultório para chamar de seu, o médico precisa ter em mente o gasto de tempo e dinheiro com uma série de detalhes: a localização e sua acessibilidade; a decoração e a funcionalidade do ambiente; a quantidade e qualidade de equipamentos que terá à sua disposição, bem como a manutenção destes, a contratação da equipe e o treinamento de seus colaboradores com os devidos encargos trabalhistas.

Além disso tudo, há uma grande listagem de documentos em obediência à legislação nacional, estadual, municipal e profissional.

Lista de documentos exigidos 

Antes de mais nada, é preciso definir a área de atuação entre as 54 categorias listadas pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), depois solicitar o registro na Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAE), especificando o segmento de atividade médica ambulatorial com recursos para a realização de exames complementares.

O consultório médico necessita de um alvará de funcionamento obtido junto à prefeitura e do certificado de conformidade do Corpo de Bombeiros, mediante vistoria.

O próximo passo para constituir um consultório é regularizá-lo junto à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), obedecendo a uma série de critérios e normas de higiene, pois o ambiente também é vistoriado regularmente por um agente sanitário.

Controle financeiro 

Importante também é ter em mente que o controle financeiro é vital para o funcionamento do consultório. Pagamento de impostos e tributos, faturamento na prestação de serviços e salários de colaboradores requerem – além do dinheiro, claro – um minucioso e regular detalhamento. Seguramente, o médico não terá tanta disponibilidade para debruçar-se sobre estas atividades e ainda se dedicar a cuidar de pacientes. Neste sentido, Softwares como o ProDoctor auxiliam a gerenciar este trabalho.

Gestão de pacientes 

Outro ponto importante é a gestão da carteira de pacientes. Prontuários, históricos, agendas, tudo isso requer organização, e sistemas informatizados oferecem este suporte facilitando muito a vida do profissional. A execução de tarefas como a inserção de registros médicos, digitalização de documentos, prescrição de receitas e marcação de consultas e exames, são algumas das ações contempladas neste recurso.

Habitat Consultórios

Agora que você já sabe quais são as etapas de abrir um consultório e deseja simplificar este processo, conheça a Habitat Consultórios. Oferecemos o modelo de coworking, com consultórios completos para ajudá-lo a concretizar este objetivo.

Entre em contato conosco e venha conhecer nossas instalações. Consultórios modernos e localizações privilegiadas.

Tecnologia-da-Informação-e-Comunicação-na-Área-de-Saúde_1_

Tecnologias de ponta: aliadas do médico

Os primeiros anos do século XXI trouxeram inovações tecnológicas muito rapidamente para a humanidade. Em todas as áreas, quase que em um piscar de olhos, as tecnologias mudaram a maneira de como se trabalha. Este processo é antigo, desde que as máquinas passaram a ajudar o homem em seus ofícios, mas as mudanças parecem cada vez maiores e mais rápidas.

Na Medicina não é diferente. As inovações tecnológicas sempre foram aliadas do bom exercício da profissão. Do estetoscópio aos aparelhos raios-x, passando pelo computador, telefone e Internet, as tecnologias modernas puderam auxiliar o médico no diagnóstico, tratamento e cura das doenças. Atualmente, impressoras 3D, aplicativos de smartphone e robôs estão entre as ferramentas integrantes da prática médica.

Cuidados, sim; medo, não

Quem lida com a vida do outro, entretanto, sabe que os cuidados na hora de um passo novo são redobrados. “Sabemos a importância que a vida tem, temos uma tendência muito grande de sermos conservadores na adoção de todas as tecnologias, e isso não é diferente na adoção das tecnologias digitais”, afirma o Dr. Miguel Aguiar Netto, head de inovação da Habitat Consultórios. Grande referência em inovações e tecnologias na área médica, Dr. Miguel já foi entrevistado pela conceituada Revista Forbes para falar sobre sua participação no desenvolvimento de uma estrutura de blockchain para registros médicos. (https://bit.ly/DrMiguelForbes1)

A cautela não faz mal, mas não pode impedir que os médicos abram a mente para as novas tecnologias que estão chegando cada vez mais rapidamente. A adoção e introdução de aparelhos ultramodernos e técnicas hipercomputadorizadas no dia a dia não é um processo simples. Para o dr. Miguel, o segredo para o bom uso das tecnologias está na participação dos médicos e profissionais de saúde no debate. “Nós não podemos deixar de nos envolver. Se nós não nos envolvermos com isso, as tecnologias serão incorporadas nas nossas práticas médicas sem nosso envolvimento e podem trazer prejuízo”, explica.

Coworking: inovação e otimização

Uma dessas inovações na Medicina é o conceito de coworking de saúde. Atualmente, cada vez mais médicos preferem alugar espaços compartilhados como sede de seus consultórios pois, além de serem inovadores e totalmente estruturados para o atendimento médico, esses ambientes ainda oferecem tecnologia de ponta e todo um suporte aos profissionais. Essas facilidades permitem aos médicos uma maior otimização de tempo, para que se preocupem somente em cuidar de seus pacientes e do crescimento de suas carreiras.

Lado a lado com as tecnologias de ponta: aliadas do médico

Nestes ambientes multidisciplinares, os usuários têm acesso aos melhores serviços e tecnologias da área, utilizam aplicativos para agendamento dos consultórios e podem até mesmo contar com o serviço de agenda online, onde os próprios pacientes marcam o horário com seus médicos ou profissionais de saúde. Com tantas vantagens, os espaços de coworking favorecem um controle dos gastos, um crescimento profissional e a oportunidade de ampliar o networking.

Por ser um coworking de saúde, a Habitat Consultórios sabe da importância de usar as tecnologias a favor da saúde (e de sua carreira). Conheça nossos planos e agende uma visita. (https://habitatconsultorios.com.br/#planos)

Dor de cabeça para administrar o seu consultório?

Dificuldades para administrar o seu consultório?

Você tem dificuldades para administrar o seu consultório com contas, burocracia, legislação, tributos, encargos trabalhistas e treinamentos?

Antes de mais nada, administrar seu próprio consultório não é fácil. São tantas responsabilidades que vêm no pacote que muitas vezes os médicos se vêm perdidos e não encontram tempo para fazer aquilo que realmente os interessa, ou seja, cuidar das pessoas.

Sabendo que existe essa dificuldade, algumas empresas criaram um novo modelo de trabalho que vêm conquistando cada vez mais a classe médica, o trabalho de coworking.

O coworking se resume ao compartilhamento de espaço e recursos de escritório. Este compartilhamento reúne pessoas que não trabalham necessariamente para a mesma empresa ou na mesma área de atuação.

Dessa forma, empresas que seguem este modelo de trabalho oferecem um ambiente profissional com tecnologia e organização. Além disso, horários flexíveis com melhor administração do tempo e troca de experiências e compartilhamento de ideias.

É um modelo de trabalho inteligente, em que você só se preocupa em atender os pacientes, paga pelo tempo e recursos que usar, sem assim se preocupar com os custos de montagem e manutenção do consultório.

Definitivamente, deixe as dificuldades de administrar o seu consultório no passado!

Aqui na Habitat nós podemos ajudá-lo! Entre em contato, conheça nossos
consultórios modernos e com localização privilegiada.

 

Escritórios compartilhados e sua infraestrutura

Escritórios compartilhados e sua infraestrutura

Antes de mais nada, em tempos de globalização e novas tecnologias, a busca por conhecimento e troca de informação é de máxima importância. Diante desse cenário, vemos surgir novas estruturas organizacionais que procuram conectar as pessoas. É o caso dos escritórios compartilhados, os chamados coworking, que oferecem estrutura completa e ambiente propício para o sucesso profissional.

Econômico e funcional, ele favorece a comunicação, o networking e permite que você se concentre no que realmente importa: o seu negócio. Sendo assim, as inúmeras vantagens despertaram o interesse da classe médica que diante de tantas responsabilidades percebeu a facilidade de contar com esse serviço.

Já imaginou entrar no consultório com a única preocupação de atender bem o seu paciente? Poder ouvir e avaliá-lo com a certeza de que a manutenção dos equipamentos, a conta de luz e o pagamento da secretária estão em dia?

Escritórios compartilhados é saber que você dispõe de uma estrutura completa a seu dispor sem se preocupar com nada. Aqui na Habitat nós podemos ajudá-lo! Conheça nossos planos mensais.

Assim também, em nosso site você vai encontrar mais informações sobre o nosso trabalho e entender de que forma podemos aliviar seu estresse com um ambiente de trabalho feito para você.

Tenha mais flexibilidade e atenda em diferentes cidades

Tenha mais flexibilidade para atender os seus pacientes

Antes de mais nada, a flexibilidade é a palavra chave para os profissionais que querem ampliar a sua rede de atendimento. Tenha mais flexibilidade para atender os seus pacientes na Habitat!

Sabe aquele paciente que mora longe, mas que faz questão de ir ao seu consultório? Com uma agenda mais flexível, você expande sua área de atuação, oferece suas consultas em diferentes lugares, e tudo isto sem abrir mão de uma estrutura completa.

Mais do que um espaço para consultas e atendimentos, acreditamos que o profissional de saúde precisa de suporte para desenvolver sua carreira.

Mas você deve estar se perguntando: como manter dois ou mais consultórios ao mesmo tempo diante de toda a burocracia, papelada, legislação e obrigações rotineiras (limpeza, secretária, conta de luz e muito mais)?

Essa é uma das grandes vantagens de optar pelo aluguel do consultório. Você cuida do paciente e nós cuidamos do restante. Assim sendo, com consultórios compartilhados você tem a liberdade de reservar por dia, hora ou por períodos fixos na semana, pagando apenas pelo tempo que utilizar o espaço.

Deixe as dificuldades de administrar o seu consultório no passado!

Quer saber mais? Aqui na Habitat nós podemos ajudá-lo! Entre em contato, conheça nossos consultórios modernos, com localização privilegiada e tenha mais flexibilidade para atender os seus pacientes.

Por que escolher o pay per use?

Por que escolher o pay per use?

Você já ouviu falar no termo pay per use (pague pelo uso, em inglês)? A oferta desse tipo de serviço é uma tendência no Brasil.

Primeiramente, além de praticidade e economia, o modelo que já é sucesso em diversas áreas de negócio, atende a uma das principais dificuldades de todo médico: falta de tempo.

É notável que os profissionais de medicina possuem agenda cheia, bem como pesquisas, viagens, congressos e cursos diversos. Dessa forma, poder contar com um coworking que ofereça os melhores serviços pagando apenas pelo que você realmente usa é um diferencial que deve ser valorizado.

Com o “pay per use” você desfruta de serviços de excelência, profissionais experientes, agilidade e flexibilidade. Tudo isso em um único lugar com segurança e qualidade. É um modelo de trabalho inteligente, em que você só paga pelo que usará, sem arcar com os custos de montagem do escritório e manutenção (aluguel, IPTU, secretária, entre outros).

Dessa forma, é fundamental escolher uma solução com tradição e qualidade que oferece planos que cabem no seu bolso, por isso a Habitat Consultórios é perfeita para você. Confira nossos planos:

Avulso
● Período
● Exclusivo
Mensal

Definitivamente, aqui na Habitat nós podemos ajudá-lo! Entre em contato, conheça nossos consultórios modernos e com localização privilegiada.

Shopping Basket
WhatsApp chat