habitat_riohabitatcompravendaelocacao_image_269

Vida de médico: o equilíbrio entre o pessoal e o profissional!

Um dos principais pontos da vida de médico é a inconstância. Em meio a consultas em consultórios e plantões emergenciais, manter uma rotina é uma tarefa complicada, uma vez que não se tem horários fixos. Portanto, conciliar os momentos profissionais e pessoais pode ser uma missão e tanto.

Fazer essa separação é fundamental e tem muitas vantagens. Afinal, dedicar mais tempo para curtir com as pessoas que você ama é importante para ter equilíbrio emocional. Dessa forma, isso também reflete na vida profissional, sobretudo quando se lida com indivíduos que podem correr risco de morte.

Para evitar os temidos erros médicos, ter uma vida equilibrada traz muitos benefícios. Por isso, confira dicas sobre como manter o equilíbrio entre a vida pessoal e profissional!

Preze por momentos de descanso

Descansar não é apenas deixar o corpo relaxar e se restaurar, já que isso também deve ser feito com a mente. Ou seja, não adianta tirar um dia de folga e ficar com a cabeça pensando no trabalho. A medicina é uma área muito nobre, pois lida com vidas humanas, no entanto, se desligar completamente da função é essencial.

Você pode escolher uma infinidade de atividades para relaxar. Pode ver filmes ou séries, fazer passeios, cozinhar, ler, praticar esportes ou qualquer outra ocupação que proporcione prazer e relaxamento. Assim, com mais flexibilidade, a sua qualidade de vida será muito melhor.

Entenda os seus limites e respeite-os

É muito comum que os médicos dediquem as suas vidas para a profissão. Entretanto, é preciso entender que os limites ajudam a manter mente e corpo saudáveis. Ninguém quer ter uma estafa mental ou outros problemas relacionados ao excesso de trabalho.

Nesse sentido, o melhor a se fazer é planejar as suas atividades e ter maior controle sobre os dias de trabalho. Gerenciar a rotina de plantões e atendimentos fará com que você saiba os seus limites e encontre tempo para relaxar e recuperar as energias. Um bom planejamento é determinante para que você consiga dar conta de tudo.

Estabeleça metas para as pausas necessárias

Avaliar o estado de pacientes, realizar diagnósticos, conferir a evolução dos quadros e muitas outras tarefas e horários a cumprir — o dia a dia de um médico é cheio de atividades que exigem bastante dos profissionais. Nesse contexto, pausas são extremamente necessárias para conciliar o trabalho com a convivência familiar.

Por isso, o ideal é organizar um cronograma com os dias de trabalho e também incluir folgas. Desse modo, você terá um sentimento de satisfação por cumprir com os seus deveres, além de também investir nas suas relações interpessoais. Assim, considere os momentos de pausa tanto quanto o seu ofício.

Aprenda a delegar tarefas

Muitos médicos sofrem com uma alta pressão em seus trabalhos por pegarem toda a responsabilidade apenas para si. No entanto, saiba que outros profissionais também têm capacidade de lidar com os problemas que surgem.

Converse com a equipe e trabalhe em grupo. Saiba como delegar as tarefas para outras pessoas e otimize as atividades sem sobrecarregar ninguém. Trabalhar coletivamente melhora o fluxo do serviço, tornando-o mais leve, e o desgaste será menor.

Mesmo que a vida de médico seja bastante corrida, sempre é importante separar momentos para relaxar, como você viu. Afinal, isso também é uma forma de investir no trabalho, pois, assim, será viável recarregar as baterias para o que virá a seguir. Portanto, não subestime alguns dias de descanso na sua rotina hospitalar.

O que achou das dicas para ter mais qualidade de vida? Compartilhe o post nas suas redes sociais e mostre esses benefícios para os seus colegas!

Inscreva-se e saiba sempre que um novo conteúdo for lançado aqui no blog!

Compartilhe este conteúdo!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no print
Shopping Basket
WhatsApp chat